O NÚCLEO SOCIOAMBIENTAL, NO QUAL A 1ª VICE É REPRESENTADA PELO MAGISTRADO JOSÉFISON OLIVEIRA, FAZ BALANÇO DAS AÇÕES COM O PRESIDENTE

QUINTA-FEIRA, 07 DE FEVEREIRO DE 2019 ÀS 16:39
Compartilhar:

O Núcleo Socioambiental do Tribunal de Justiça da Bahia, coordenado pela Desembargadora Maria de Fátima Silva Carvalho, esteve reunido com o Presidente do TJBA, Desembargador Gesivaldo Britto, na tarde desta segunda-feira (04).

A Desembargadora Maria de Fátima enfatizou que a Bahia está bem à frente de outros Tribunais, no quesito de atendimento às exigências do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), quanto aos cuidados com o meio ambiente.

Na reunião foram discutidas alternativas para diminuir impressão de documentos; fomentar a reciclagem de materiais; verificação das instalações hidráulicas para identificar possíveis vazamentos; capacitação de servidores e magistrados sobre maneiras de economizar água, luz e insumos.

Na oportunidade, a qualidade da água do prédio sede da Corte Baiana também foi pautada. No mês de outubro de 2018, a água consumida no TJBA passou por um teste de qualidade. A empresa de água mineral Milfontes, responsável pelo procedimento, fez a coleta tanto no prédio principal quanto no prédio anexo. As análises mediram a presença ou a quantidade de bactérias. Como os resultados indicaram a ausência para todos os micro-organismos testados, as amostras foram aprovadas.

De acordo com a conclusão apresentada, a água de ambos os edifícios é compatível com os padrões de potabilidade estabelecidos pela portaria nº 2.914 do Ministério da Saúde – Anvisa/MS. Os limites de tolerância utilizados estão de acordo com a resolução RDC nº 275, de 22 de Setembro de 2005, da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

É importante ressaltar, portanto, que a água dos filtros e dos bebedouros dentro do Tribunal de Justiça da Bahia pode ser consumida por todos os Magistrados, Servidores e Visitantes.

Também estiveram presentes na reunião desta segunda-feira, o Juiz Joséfison Silva Oliveira, representante da 1ª Vice-Presidência; Ana Paula do Carmo Barbosa Silva, da Secretaria de Administração (Sead); Iramar Viana Martinez de Almeida, da Secretaria-Geral da Presidência (SGP); a Chefe de Gabinete da Presidência, Lorena Navarro; a Juíza, Renata Mirtes Benzano de Cerqueira; e a Controladora do Judiciário, Fernanda Dantas.

Núcleo Socioambiental do TJBA – A instância foi criada por meio do Ato Conjunto nº 6, em conformidade à Resolução nº 201/2015, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Essa Resolução trata da criação e das competências das unidades ou núcleos socioambientais nos órgãos e conselhos do Poder Judiciário e da implantação de um plano de logística sustentável.


Clique aqui e acesse o Laudo

Clique aqui e acesse a Análise da água dos tanques

Clique aqui e acesse a Interpretação do Laudo

 

(FOTO E TEXTO ASCOM)